terça-feira, 28 de dezembro de 2010

PREVISÃO PARA O ANO NOVO


Este ano
Seremos todos profetas
Levaremos na bagagem
Passageiros dessa viagem
Bons presságios
E a magia de passagem.

Seremos bem mais que um
Janelas
Portas abertas
Deixar a vida adentrar.
Levar em frente
O que se sente
Espontaneamente.

Riso sincero
Mãos limpas
Inocente caminhante
Com destreza, sem tristeza
Nesta estrada
Desarmados andaremos.

Seremos o abrigo
O eterno amigo.
Em prece
A bússola guia
Em todas as vias.
Alicerce e complemento
Em todos os momentos.

O sonho acordaremos
Miragens e muitas imagens.
Seremos a estrela que brilha
O sol que aquece
Que nunca esquece
No ciclo perene
De dar a lua
A noite sempre sua.

Seremos o lume
Lampejo imune
No sombrear do tempo
Em tempo clarear.

Seremos a calma
O sono, o porto seguro
O fruto, a flor,
A obra, a ação
E toda criação.

O silêncio
Não será inquietude, nem claustro
Só beatitude
E nesta atitude
Mansa e leve
Viverá a paz.

Um comentário:

  1. Lindo poema, Eloah, isso tudo seria felicidade demais, um sonho! Seria outro mundo, seríamos diferentes, se possível fosse.

    Meu carinho
    tais luso

    ResponderExcluir

De fragmento em fragmento vou compondo a minha história.Obrigada por fazer parte desta historia.

Fragmentos

Fragmentos

Recomeço

Recomeço