domingo, 21 de agosto de 2016

É PRECISO SER FELIZ


É preciso resgatar da alma
Um pouco da grandeza  esquecida
Da delicadeza adormecida na rudeza da caminhada
Aquele sopro da brisa, sutil afeto escondido e perdido,
Tocado de infinito.

É preciso buscar no largo sorriso, nas mãos o carinho
E a esperança dispersa, feiticeira perpétua,
Que rouba  o sonho , arrasta  a emoção,
a luz e o fulgor.

Levado pela vida,
É preciso reconhecer a direção dos ventos,
 Perseguir a beleza,  a graça ,a candura
 E a doce loucura do amor.

É preciso  reinventar-se;
É preciso ser feliz
Recuperar a força  desta razão...



sábado, 20 de agosto de 2016

Relembrando


Março, 2016 - Sevilha /Espanha

quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Premiação






Medalha Fernando Pessoa - Prêmio de Honra e Mérito


Troféu Literarte " Melhores do Ano 2016



domingo, 31 de julho de 2016

CORAÇÃO INQUIETO




Ah coração inquieto!
Livre sequioso
Deixe que a calma se alastre
Escorra em silêncio, lentamente
E navegue a beira do sonho.
A vida é canto solo
Despe-te de teus fantasmas
Sem sombras, sem agasalho e sem pressa.

Sem divagações
Acorda tuas emoções
Dá-me teus versos
Deixe que fique apenas
O poeta e o sonhador.


sexta-feira, 13 de maio de 2016

Fragmentos

Fragmentos

Recomeço

Recomeço