segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

SENSIBILIDADE


Sensível e furtiva
A alma se assenta
Voa o espírito
Busca sua luz
Abrem-se redomas
Incorporam-se sonhos.
No místico embalo
Debruço- me
e
Em profundo devaneio
Bordo meus versos.


5 comentários:

  1. assim é a criação de um poema!
    Boa tarde!

    ResponderExcluir
  2. Bem bordados os seus versos,
    por isso bem escritos estão
    nos seus pensamentos diversos
    com o seu melhor amigo coração!

    Boa noite amiga Eloah, um abraço,
    Eduardo,

    ResponderExcluir
  3. Boa noite, Eloah. Belíssima como todas as suas piesias são.
    Quanta sensibilidade!
    Espírito que voa tem ao seu lado o manancial dos versos naus intensos.
    Parabéns!
    Beijos na alma!

    ResponderExcluir

De fragmento em fragmento vou compondo a minha história.Obrigada por fazer parte desta historia.

Fragmentos

Fragmentos

Recomeço

Recomeço