quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

UM BELO PRESENTE

Eu em Lisboa no Miradouro do Castelo São Jorge/junho 2015

Daniel Costa escritor e poeta  mora em Lisboa/Portugal.Tive a oportunidade e felicidade de conhecê-lo quando em passeio em Portugal. Daniel tem um vasto currículum com várias obras literárias publicadas. Sinto-me honrada de receber de presente este lindo poema.
ELOAH POETISA
Mulher bonita, deve dizer-se à guisa
Naschenweng de imperatriz
Eloah poetisa
Westphalen de directriz
Terá outra frisa,
Outra nacionalidade por raiz
Porém a Lusofonia, é a sua divisa 
Da cultura mediatriz
Passou por Lisboa com porte de papisa
Naturalmente, do europeu País!
Eloah poetisa
À poesia deu estímulo feliz
Sempre a inclui na bagagem, a frisa!
O poeta que a encontrou, é quem o diz
Quem o afirma, quem o profetisa!
O seu charme, a beleza, com a cultura condiz,
A sua descrição a mediatiza, 
Aromatiza, o espaço que torna matriz!
Eloah poetisa
No seu espaço traça a bissetriz,
O espaço pisa e o espaço frisa
A capacidade emerge do seu peito, em jeito de atriz
Eloah poetisa!


Daniel Costa