domingo, 7 de agosto de 2011

SEGREDOS ÍNTIMOS -SOU TEIMOSA


   Sou teimosa.
 Não me deixo abater pela capacidade que tenho de me decepcionar. Tecer calmaria na alma, no meio de um grande vendaval é a virtude que me aproxima do bem estar.
Meu modo particular de enxergar o mundo cria rotinas de tolerância e condescendência. Talvez seja uma espécie de proteção e de superação para encarar os dramas reais de dor e redenção.
  Nesta costura entre a rotina lenta e previsível, anonimamente, vou forjando meus laços e meus abraços.  Embalar o coração num doce aconchego para furtar-se de grandes dores é a sutileza que acalenta a alma e ajuda a estender as mãos ao encontro de outras mãos.
   É  disso que preciso para criar vínculos reais e sólidos.
 A sensação boa, descabida, injustificada, misto de aceitação, interação, perspicácia,  inteligência , infatigabilidade  e  honestidade que lapidam novos e sutis ciclos. Nada é definitivo na vida. Depende das  opções, dos momentos, dos sentimentos e do olhar.
  Se o ritmo dos passos forem imprecisos resta articular e acertar ao longo da caminhada.
 Tudo isto, no seu tempo, em silêncio e  em harmonia com a mente e  o coração.




15 comentários:

  1. Muito bom!

    Tenacidade, força, coragem, para a senhora e quem tem a dita de a acompanhar. Amei seu texto!

    Um abraço,

    Maria Luísa

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Eloah, que lindo, muito me emocionou e concordo que tudo começa num olhar, pois sei bem que os olhos dizem tudo, se baixarmos o olhar, é porque escondemos algo, mas se olharmos bem fundo nos olhos, é porque nao temos medo de se mostrar, o olhar nos mostra como é a nossa alma...bjin e bom domingo! Fique com DEUS!

    ResponderExcluir
  3. Minha querida

    A vida é feita de pequenos momentos que temos que agarrar e tentar fazer deles um eterno dia de sol.
    Adorei o texto e deixo o meu beijinho com carinho.

    Sonhadora

    ResponderExcluir
  4. Me vi em seu texto.
    A cada decepção,Quero amar mais, quero ser mais honesta,ética, sincera....
    Creio ser isto minhas verdades.
    Uma bela tarde de domingo.Bjs.Edna

    ResponderExcluir
  5. Belíssimo Eloah!.. A vida e o tempo vão nos ensinando a ter uma postura diferente diante da nossa passagem por este plano.

    Um beijo imenso em seu coração e um lindo início de semana para você!

    Verinha

    ResponderExcluir
  6. Olá, cheguei aqui por te ver em outro blog e resolvi te seguir, porque esse texto me tocou muito..."ao longo da caminhada, nós acertamos os nossos passos", é a maturidade.
    Que tenhas uma ótima tarde de domingo, beijos da Mery.

    ResponderExcluir
  7. Realmente, nada é definitivo, seja bom ou ruim. Ser "teimosa", como mencionou, é demonstrar a persistência capaz de vencer os desafios.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  8. Eloah,
    Um texto encantador, de onde se extrai sabedoria
    e coragem.
    Tecer calmaria em meio a um vendaval é mesmo uma grande virtude, que deveríamos desenvolver.
    Nada é mesmo definitivo na vida e somente depende de nós utilizarmos dos instrumentos que a própria vida nos oferece para contornar os obstáculos que dela fazem parte e que acontecem para o nosso crescimento. Tudo é questão de persistência, paciência e tolerância.
    Tenha um aconchegante final de domingo.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Tenho de assumir, sou muito teimoso como tu.
    Não consigo ver uma pessoa sem recursos ser mal-tratada.
    Adorei e me identifiquei.

    Obrigado pela atenção em meu blog.
    Convido-lhe para ler meu novo post. "Ser Escritor", e comentar.
    Obrigado.

    ResponderExcluir
  10. Eloah querida, que delícia de palavras!!!! Tbm sou teimosa; acredito nas pessoas, acredito que todos temos coisas boas dentro de nós e confio de olhos fechados em meu coração, mesmo que por vezes ele se engane, acabe rasgado, eu vou lá remendo o danado e ele volta forte e supimpa como antes :)

    que sua semana seja iluminada minha doce escritora!
    bjokitas com mega carinho meu!!!

    ResponderExcluir
  11. Querida Eloah, un relato precioso que llega al alma, es una delicia leerte.
    besitos para ti querida amiga, que Dios te bendiga y pases una semana maravillosa.

    ResponderExcluir
  12. Bom dia Eloah,tienes razón nada es permanente en la vida......muy reflexivas tus palabras.

    Un abrazo desde España.
    Isabel

    ResponderExcluir
  13. Eu conheço a tua Ilha e há dois anos passei um
    Natal, num hotel da praia (muito lindo e sofisticado - esqueci o nome) em Florianopolis.

    E estive por lá 8 dias e adorei...Tão diferente de todo o Brasil - parece a Europa.

    Em Dezembro, se Deus nos ajudar, volto para o Brasil e nessa época, fico de férias com a minha
    família mais direta.

    Mas esta minha Ilha fica no Brasil (não é ficção)
    e escrevo muito acerca dela, das mais variadas maneiras, tenho mais poemas, acerca da Ilha.

    Mais tarde, tudo isto é para publicar.

    Já tenho livros publicados há cerca de 11 anos e
    pertenço `"Associação Portuguesa de Escritores"
    APE.
    Tenho um livro a saír, em Setembro ou Outubro deste ano. Sou auxiliada pelo Vereador da Cultura, da Camara M. de Lisboa...muito bom!

    E é esta a minha história, como tantas histórias.

    Estou na Net como a pessoa simples que sou e adoro escrever e enquanto possível, o vou fazendo

    Um beijo para ti e Florianopolis (talvez não esteja bem escrito, mas desculpa)

    ResponderExcluir
  14. Ah! Eu também sou, Eloah,
    super teimosa, mas não inconsequente, analiso cada coisa antes de me jogar, mas se decidir, ninguém nem nada me tira da cabeça.

    Um beijo!

    ResponderExcluir
  15. Eu queria ser assim sabe.
    Ter essa capacidade de me reinventar e deixar pra lá as cosias não boas.
    Mas nao sei.
    Salvei teu texto pra ler de vez em quando, quem sabe eu aprendo!
    Um beijo!

    ResponderExcluir

De fragmento em fragmento vou compondo a minha história.Obrigada por fazer parte desta historia.

Fragmentos

Fragmentos

Recomeço

Recomeço